R$ 51 milhões: STF retoma nesta terça-feira julgamento dos irmãos Vieira Lima

R$ 51 milhões: STF retoma nesta terça-feira julgamento dos irmãos Vieira Lima Destaque

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma, nesta terça-feira (15), pela terceira vez, o julgamento do ex-ministro Geddel Vieira Lima, do ex-deputado federal Lúcio Vieira Lima, do ex-assessor parlamentar Job Ribeiro Brandão e do empresário sócio da Cosbat, Luiz Fernando Machado da Costa Filho.

Os quatro são acusados de lavagem de dinheiro e organização criminosa no caso dos R$ 51 milhões encontrados em malas em um apartamento de Salvador, em 2017. Entre os réus, apenas Geddel está preso, na Penitenciária da Papuda, em Brasília.

Na primeira semana, o relator da ação penal, ministro Edson Fachin, proferiu o voto e decidiu condenar os irmãos baianos pelos crimes, inocentando os demais acusados. Como não houve, na opinião de Fachin, concurso de crime, é possível que a pena chegue a 20 anos de prisão, cumpridos, inicialmente, em regime fechado.

Já semana passada, após o relator votar pela condenação dos Vieira Lima, o ministro Celso de Mello iniciou a leitura do voto, que precisou ser suspensa em decorrência do horário avançado. No entanto, ele já se inclinou por acompanhar o voto de Fachin.

Até o momento, o placar pela condenação dos baianos é de dois votos a zero, proferidos por Edson Fachin e o decano. Ainda faltam se manifestar os ministros Carmen Lúcia, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.

About Author

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.