Índice de reincidência na prisão chega a 80%, afirma promotor de Justiça

Índice de reincidência na prisão chega a 80%, afirma promotor de Justiça Destaque

O problema do sistema prisional brasileiro e a alta reincidência de presos na criminalidade foram alguns dos temas abordados pelo promotor do Ministério Público, Edmundo Reis durante entrevista ao apresentador José Eduardo, na noite desta terça-feira (1), na Rádio Metrópole. Ele lembra que a população carcerária na Bahia é formada 89% por negros, pobres e, a grande maioria, tem ensino fundamental completo ou incompleto.

Por conta da falta de investimentos no sistema prisional e na área de ressocialização, há um índice entre 70% e 80% de reincidência, o que quer dizer que a maioria dos presos retorna para as prisões. Ele classifica esses dados como frutos de um sistema prisional que ficou muito tempo invisível.

Ele também cita que há um ócio muito grande dentro das prisões e que não adianta pelitear o aumento de pena, pois isso não quer dizer sobre a qualidade da pena. “Tem q retirar esse homem do pátio e melhor assistência psicossocial. É preciso buscar os processos de inserção do preso no estudo profissionalizante, no trabalho, o que não lhe foi propiciado na infância e na juventude”, avaliou promotor.

Reis citou que, atualmente, há dois decretos, um no âmbito federal e outro no âmbito estadual, que permitem e instigam a iniciativa privada a contratar ex-detentos. O estadual passou por instrução normativa e já está em vias de ser implementado. O federal está passando por uma revisão do Ministério Público do Trabalho para melhor implementação dessas medidas”, explicou.

About Author

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.